Entenda a Guerra química na Síria e a reação internacional


A guerra é a pior demonstração da violência que é monopólio do Estado. Nas guerras convencionais ocorrem muitas crueldades. Mas há métodos que, devido ao nível de sofrimento que impõem ao ser humano, em especial aos inocentes, não são tolerados pela comunidade internacional.

Na guerra química na Síria foram usadas substâncias que provocaram convulsões e sufocamentos até a morte. Ou seja: uma brutalidade extrema contra o ser humano.

Isso gerou reações violentas de repúdio de outros Estados: EUA com seus aliados europeus. O Brasil se posicionou contrário aos ataques, mas não apoiou as ações violentas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *